Síntese de Artigo “Filosofar no feminino” de Umberto Eco

setembro 9, 2008

Artigo de Umberto Eco, publicado na revista Entre Livros de fevereiro de 2006, página 98. Neste artigo o autor chama a atenção do leitor para a falta de filósofas conhecidas ao longo da História da Humanidade. A História nos fez conhecer grandes poetisas e exímias narradoras, e cientistas, mas não nos mostrou mulheres filósofas e nem matemáticas. O que nos faz pensar que existiram poucas mulheres filósofas. Ménage, autor do século XVII, em suas pesquisas, teria encontrado nada menos de 65 filósofas. Mas, Umberto Eco, ao procurar em um dicionário filosófico só encontro uma mulher filósofa, Hipácia. Desta forma, não  que  não tenham existido mulheres que filosofavam, mas os homens que teriam optado por esquecê-las, quem sabe depois de terem se apropriado de suas idéias.

 

Por: Ana Paula M. Flores

Anúncios

Uma resposta to “Síntese de Artigo “Filosofar no feminino” de Umberto Eco”

  1. Janaína said

    Ana!
    Como o autor do século XVII Ménage encontrou 65 filósofas e Umberto Eco apenas uma? E como é possível afirmar que foram os homens que as esqueceram e se apropriaram de suas idéias?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: